terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Transformar em P2O5 a Recomendação em P

Algumas vezes nos deparamos com situações em que necessitamos colocar em prática os conhecimentos adquiridos nas salas de aula. Situação como um resultado de análise do solo que recomenda, na adubação de plantio, somente o nutriente fósforo. A terra está bem provida de matéria orgânica e potássio, não sendo indicada a adubação NK. Por outro lado, existem laboratórios que recomendam a aplicação de tantos quilos de P, enquanto outros utilizam o P2O5. Quando a recomendação de fósforo é tantos quilos de P, devemos fazer a conversão para P2O5.
Por que isto? Porque nos fertilizantes fosfatados a concentração em fósforo está expressa em P2O5. Por
exemplo: Quantos quilos de superfosfato simples são necessários para aplicar, no solo, 40 kg/ha de P? Temos aqui o fósforo expresso em P. Precisamos convertê-lo em P2O5. Para isto usa-se o índice 2,29. Donde saiu este índice 2,29? Vamos usar os pesos atômicos do fósforo (31) e do oxigênio (16). Arredondamos os valores.
P2O5............................ P2
(31x2)+(16x5) ........... 31x2
142.............................. 62
142 / 62 = 2,29
É bom guardar este raciocínio na eventualidade de não se lembrar do índice.
40 kg/ha de P x 2,29 = 92 kg/ha de P2O5
Portanto, fizemos a conversão do P em P2O5.
O supersimples (SS) possui, na sua composição, 18% de P2O5. Isto quer dizer que em 100 kg de SS temos 18 kg de P2O5. Vale agora uma regra de três.
100 kg de SS ................18 kg de P2O5
X kg SS ....................... 92 kg/ha de P2O5
X = (92 x 100) / 18
X = 511 kg/ha de superfosfato simples.
Portanto, para aplicar 40 kg/ha de P serão necessários 511 kg/ha de superfosfato simples. Pratique!  Tente fazer com 70 kg/ha de P. A resposta é 890 kg/ha de superfosfato simples.

OUTROS ASSUNTOS PARA LER
Classificação dos fertilizantes na Legislação
Cálculo da quantidade de fertilizantes
Exercício sobre mistura de fertilizantes
Tabela de conversão das unidades da análise de solo

18 comentários:

  1. boa noite mestre, só uma duvida estou fazendo umas comparações aqui alguns softwares e manual, e estao entrando em contraversões.
    eu tenho em analise 4,50mg/dm de P, e preciso de 120kg/ha para adubação do maracuja. No software da 277,78 kg/ha para cultura, ja o meu esta dando 254,19 kg/ha para cultura. Sera que o senhor poderia me tirar a prova????obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não entendi. Vc tem 4,5 mg/dm³ P e precisa 120 kg/ha de P ou P2O5.
      Se for 120 kg/ha de P para transformar em P2O5
      120 x 2,29 = 274,8
      Por favor, explique melhor. Qual o cálculo que vc fez.

      Excluir
  2. BOA NOITE, PRIMEIRAMENTE PARABENIZO PELAS INFORMAÇÕES AQUI PRESTADAS A TODOS.
    GOSTARIA DE SABER SOBRE A MISTICA DA FOSFATAGEM, NA ACADEMIA EU TINHA A IDÉIA RESTRITA DE QUE ERA IMPRESCINDÍVEL A CORREÇÃO DO FÓSFORO EM ÁREA TOTAL, MAS NA PRÁTICA ISTO NÃO ACONTECE, VEJO PRODUÇÕES NORMAIS EM SOLOS QUE NÃO RECEBERAM AS MESMAS, ADUBAÇÃO NA BASE E NADA MAIS, SERÁ QUE UMA ADUBAÇÃO A LANÇO AUMENTARIA MAIS A PRODUÇÃO NESSAS ÁREAS, GOSTARIA DA SUA COLABORAÇÃO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A correção do solo com fósforo (fosfatagem) é necessária e importante. Ela deve ser feita com a finalidade de aumentar o fósforo no solo, criando condições de melhor a fertilidade. Geralmente é recomendada para as faixas muito baixa, baixa e média. Para valores alto e muito alto de fósforo no solo é recomendada apenas a adubação de manutenção ou a de reposição. Hoje, pelo investimento alto, os produtores estão usando menos a adubação de correção. É claro que ela propiciará melhores produções nas faixas de muito baixo a média. Em solos pobres de fósforo, as plantas costumam dar resposta à aplicação de fertilizante fosfatado no plantio. Mas, com a correção mais manutenção, as perspectivas de maiores produções são das melhores.

      Excluir
  3. Boa tarde
    Estou fazendo estudos de adubação de manutenção em gramados e encontrei um artigo que informa que a queda do teor de P no gramado foi de 20 mg/dm³ em 4 anos. Gostaria de saber como calcular quanto de fertilizante fosfatado terei que colocar em meu gramado de 70 m² para que eu mantenha o nível de de fosforo adequado. Como converter esta redução para uma uma reposição com unidades do tipo kg/ha ou mesmo kg/m². Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa Tarde, Fábio
      Estes 20 mg/dm³ se refere ao elemento P ou P2O5?
      mg/dm³ x 2 = kg/ha
      então: 20 x 2 = 40 kg/ha
      Se for P teremos que fazer a conversão para P2O5:
      P x 2,29 = P2O5
      40 kg/ha x 2,29 = 93 kg/ha de P2O5
      Devido aos problemas que ocorrem com o P no solo, recomenda-se aplicar mais 50%
      Então: 93 x 1,5 = 140 kg/ha de P2O5
      Um ha = 10.000 m2
      Logo; 140 kg P2O5 / 10.000m² = 0,014 kg/m² igual a 14 g/m² de P2O5
      Se usar o superfosfatotriplo ST
      em 100 g de ST temos................... 42 g de P2O5
      X de ST serão precisos para .......14 g/m² de P2O5
      X = (14 x 100) / 42
      X = 33,5 g/m² de ST

      Se os 20 mg/dm³ for de P2O5, teremos 40 kg/ha de P2O5, vc faça os cálculos a partir desse valor. Não precisa fazer a correção.
      40 x 1,5 = 60 kg/ha de P2O5. e assim por diante.

      Excluir
  4. Boa Noite, Ney
    Estou estudando sobre os Fertilizantes organominerais, você poderia me indicar algumas literaturas sobre este tipo de fertilizantes. Preciso compreender todo o processo, do inicio ao fim.
    No mais parabenizo pelo seu excelente trabalho.

    Abraços e Grata

    Flávia Ananias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Flavia, entre no blog, e na coluna da direita, no fim, antes do rodapé, existe "artigos de interesse geral" clique no assunto "adubação orgânica" e vc visualizará diversos artigos (17) sobre o assunto, navegando pelas páginas.

      Excluir
  5. Nas análises de solos temos o resultado em P, então o índice seria 4.6 pois se usarmos 2.29 estaríamos trabalhando com P2. ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O índice 2,29 é usado para transformar P em P2O5. Se você tem 10 P, para transformar em P2O5 teremos 10 x 2,29 ou seja 22,9 P2O5. Se for 5 P, em P2O5 será 5 x 2,29 ou 11,45 P2O5.

      Excluir
  6. Boa Tarde,

    Eu tenho os elementos (N, P, K) em Kg ha-1 e queria converté-los a uma formulado, por exemplo: 20 0 20, vc tem alguma explicação? Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia:
      http://agronomiacomgismonti.blogspot.com/2010/07/formulas-similares-de-fertilizantes.html

      Excluir
  7. Por que para chegar no valor de 2,29 você usou P2 e não P?

    ResponderExcluir
  8. Boa tarde Professor. E se fosse pra fazer o contrário é só dividir por 2,29, correto? Por exemplo: Achar quanto Kg de P tem no SS por exemplo. Sabemos que o SS tem 18% de P205, ou seja, em 100 Kg, temos 18 Kg de P2O5, sendo assim, 18/2,29=7,86Kg de P. Me corrija por favor, caso não seja isso. Obrigado desde já!

    ResponderExcluir
  9. Prof. boa noite.
    A situação é a seguinte: a recomendação de adubação é de 60 g/planta de P2O5. Para obter a dosagem correspondente em SFT (41% de P2O5), calcula-se: (60/41)X100 = 146 g/planta. É isso?
    Seria conveniente adicionar mais 50% (60x 1,5) de P2O5?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Correto. e o solo recebeu calagem recentemente e adubação corretiva de P você pode baixar para 25%.

      Excluir

Comente, manisfeste a sua experiência, a sua dúvida, utilizando a parte de comentários.