terça-feira, 2 de setembro de 2014

Como Interpretar a Análise do Solo - Parte 2

CALAGEM


Na Parte 1 abordamos como calcular os conceitos de soma de bases, CTC's, percentagem de saturação por bases (V%), saturação por alumínio (m%), etc... O leitor poderá se informar acessando o link abaixo. Isto é primordial, pois os cálculos que na foram feitos na Parte 1, serão utilizados aqui para o cálculo da calagem.
Como interpretar a análise de solo - PARTE 1

Conforme os cálculos realizados, os resultados foram estes:



No cálculo da necessidade de calagem (NC t/ha) são utilizados diversos métodos
preconizados pelos órgãos oficiais da pesquisa brasileira. Alguns Estados utilizam o método de saturação por bases, outros utilizam o método de neutralização por alumínio (Al) mais suprimento de cálcio (Ca) e magnésio (Mg) e há quem utiliza o cálculo da calagem levando em conta os fatores solo/planta.
A calagem é importante, pois os solos brasileiros, em geral, são ácidos e pobres em nutrientes que determinam uma baixa fertilidade dos mesmos, a qual se evidencia nas baixas produções alcançadas. A calagem disponibiliza Ca e Mg, além de minimizar a ação do Al³ tóxico muito prejudicial para as plantas. O Ca favorece o maior desenvolvimento do sistema radicular em profundidade, permitindo às raízes a busca de água e nutrientes nas camadas mais profundas do solo. Para uma calagem com sucesso, o produtor deve fazer a coleta correta de uma amostra média de solo e mandar analisá-la em um laboratório credenciado. Isto evita que o produtor aplique calcário sem ter conhecimento da real quantidade, o que poderá ser prejudicial, a chamada super calagem. O produtor deve ter o acompanhamento da assistência técnica por ocasião da coleta de amostra, a qual deverá representar a média de toda lavoura.

1. Método de neutralização do alumínio (Al³) mais suprimento de cálcio e magnésio

Este método é recomendado nos Estados de Goiás, Espírito Santo, Região do Cerrado, Paraná e Minas Gerais.
A fórmula a ser utilizada é a seguinte:
NC (t/ha) = Al³ x 2 + [2 - (Ca+Mg)]


Pelos resultados encontrados na análise hipotética da amostra de solo na publicação PARTE 1, a necessidade de calagem, neste caso, seria:

NC (t/ha) = 0,5 x 2 + [2 - (1,2 + 0,6)
NC (t/ha) = 1,0 + [2 - 1,8]
NC (t/ha) = 1,0 + 0,2
NC = 1,2 t/ha  (calcário com 100% de PRNT)

2. Método de saturação por bases

É recomendado nos Estados de São Paulo e Paraná.
A fórmula empregada é a seguinte:
A. teores expressos em cmolc/dm³:



B. teores expressos em mmolc/dm³:


ATENÇÃO - conforme os teores expressos na análise do solo, deve-se empregar a fórmula correta segundo as unidades cmolc e mmolc/dm³, para evitar erros na quantidade.
Por exemplo, na análise de solo que utilizamos os dados estão expressos em cmolc/dm³. Numa cultura da soja, devemos elevar a percentagem de saturação de bases para 70% conforme as recomendações abaixo. O V1 obtido foi de 40,5% e o valor T é de 4,88 cmolc/dm³.
NC (t/ha) = (70-40,5) x T / 100
NC (t/ha) = 29,5 x 4,88 /100
NC = 1,44 t/ha  (calcário com 100% de PRNT)

O V2 é recomendado conforme dados de pesquisa, por isto é importante o leitor conseguir estas informações junto aos órgãos oficiais de sua região. Abaixo valores indicados para os Estados de SP e PR para algumas culturas



















3. Método solução tampão SMP

É recomendado pelos órgãos oficiais de Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

4. Método Ca e Al trocáveis levando em conta os fatores solo/planta

Este método é sugerido pela CFSMG, Minas Gerais
A fórmula de cálculo é a seguinte:

NC (t/ha) = Y x Al + [X - (Ca+Mg)]

Onde "Y" é em função do teor de argila do solo:
1 = solos com menos de 15% de argila - textura arenosa;
2 = solos com teor de argila entre 15 e 35% - textura média;
3 - solos com teor de argila maior de 35% - solos argilosos.

O "X" é em função da planta utilizada.
1 = eucalipto, braquiária;
2 - lavouras em geral;
3 - café.

Pelo resultado da análise, a necessidade de calagem , neste caso, para uma lavoura de café num solo de textura média seria:
NC (t/ha) = 2 x 0,5 + [3 - (1,6 + 0,2)]
NC (t/ha) = 1,0 + [3 - 1,8]
NC = 2,2 t/ha  (calcário com 100% de PRNT)

Na literatura encontra-se uma fórmula recomendada para ser usada nas lavouras de cana-de-açúcar:
NC (t/ha) = 3 - (Ca+Mg)


Calcário com 100% de PRNT

As recomendações de necessidade de calagem são para a utilização de um calcário com 100% de PRNT. Quando o calcário que vai ser aplicado possui um PRNT menor que 100% é necessário fazer a correção da quantidade determinada por um fator que vamos chamar de "f".
f = 100 / PRNT do calcário
Se o calcário tiver 80% de PRNT,  f = 100/80 - 1,25. Então, devemos multiplicar a quantidade encontrada por 1,25.  Por exemplo:  2,2 t/ha x 1,25 = 2,75 t/ha que é a quantidade corrigida.

Calagem para solos arenosos

A publicação abaixo aborda este assunto.
Cálculo da calagem para solos arenosos

Leia também a Parte 3 referente à recomendação de adubação desta série como interpretar a análise do solo
Como interpretar a análise do solo - Parte 3 - Recomendação de adubação

7 comentários:

  1. Qual seria o V% para culturas florestais no estado do Paraná?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você tem que verificar nas recomendações de calagem e adubação para o seu Estado ou sua região. Consulte um serviço de extensão rural ou assistência técnica ou IAPAR

      Excluir
  2. bom dia !!

    na minha analise de 11 de Al.. sou do estado de são Paulo, qual a formula que uso para neutralizar esse AL?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Conforme está no texto, a recomendação de calagem para o Estado de São Paulo é baseada na saturação por bases (V%)Veja o item 2 do artigo.

      Excluir
  3. Professor, usei o método 1, mas o resultado deu negativo, significa que não preciso de Calagem?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não foi informado os dados da análise. Calculo que se deu Zero é porque não existe Al no solo. Você tem que ver se este método 1 é o indicado para sua região.

      Excluir
  4. Bom dia!
    A NC por saturação por bases, tb é = V2*T – SB = 1,44.
    100
    Com calcário 30% CaO e 18% MgO, e PRNT de 100%, em 20cm, como confirmar que os cmolc do Ca e Mg atenderão realmente a necessidade dos 1,44 cmolc?

    ResponderExcluir

Comente, manisfeste a sua experiência, a sua dúvida, utilizando a parte de comentários.